Skip to content

Sobre a burocracia

24 abril, 2008

Milhões de documentos, de trocentos cartórios e tabelionatos de várias cidades, com firma reconhecida em outros cartórios e tabelionatos de outras cidades. É mais ou menos isso que precisa pra fazer a cidadania italiana.

Aí, depois de sete anos esperando, sou chamada no consulado, entrego todos os documentos de todos os tabelionatos e cartórios, com firma reconhecida, e, claro, tem um nome errado em um, falta um nome em outro. Mais documentos, mais tabelionatos e cartórios. E mais dinheiro. Porque tabelionatos e cartórios não enriquecem do nada. Cada documento custa uns 40 reais. O reconhecimento de firma mais uns outros 10. Fora a tradução de cada um, nos escritórios autorizados pelo consulado. Trinta reais por lauda. No total, gasta-se uns 300 a 400 reais.

Pode?

Anúncios
One Comment leave one →
  1. Isma permalink
    25 abril, 2008 20:06

    Um primo da minha mãe já fez.
    E eu pulei essa parte.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: