Skip to content

Fascista e reacionária

2 agosto, 2008

No Informe Especial de hoje, página 3 da Zero Hora, foi colocada uma pergunta, como quem não quer nada, e que parece inocente a olhos pouco atentos. Vem com um “A propósito” e depois é largada ali, sem contexto, sem explicação, sem mais nada. Só ela. “O contribuinte vai continuar pagando salários dos agentes penitenciários em greve?”. Essa é a pergunta. Alguém viu alguma coisa estranha? Em apenas onze palavras, o jornal induz o leitor a se revoltar simultaneamente contra o governo e principalmente contra os agentes penitenciários. Esquece que eles têm o direito, por lei, de fazer greve. Que eles ganham tri mal, trabalham sob alto risco, são super importantes e ninguém lembra deles. Que o problema não é a greve, não é a gente pagar o salário deles com eles parados, não é nada disso. O grande problema é a desvalorização de um trabalho tão fundamental. Mas enfim, não venho discutir a origem do problema das penitenciárias brasileiras, até porque não tenho conhecimento suficiente e tal. A questão é a pergunta solta ali, parte de uma campanha para influenciar o leitor sutilmente. Uma campanha reacionária de um jornal cada vez mais reacionário. Diria até que um pouco fascista, ao tentar impedir o direito à greve, básico de qualquer trabalhador em uma sociedade democrática.

Anúncios
No comments yet

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: