Skip to content

Yeda e o déficit zero

19 novembro, 2008

O governo Yeda comemora a antecipação do 13º e o déficit zero. Não vi ainda a grande mídia explicar a que custo isso aconteceu. A ironia foi a comemoração acontecer no mesmo dia do início da greve do magistério. Déficit zero sem respeito ao piso dos professores. Aumento ao funcionalismo? Nem pensar. Reajuste? Um pedaço, em forma de ticket. Os gastos constitucionais com saúde, educação, entre outros, não foram cumpridos. O RS Urgente explica melhor aqui.

Déficit zero é bacana, mas ainda acho que as prioridades estão invertidas. Há que se cortar dos grandes empresários e estabelecer uma verdadeira nova forma de governar. Não adianta nada ter dinheiro em caixa se a educação e a saúde continuam uma merda. Quais os reais benefícios pra população de um déficit zero sem investimentos sociais?

E a Zero Hora apóia e comemora euforicamente. (E eu aproveito pra fazer um jabá do meu outro blog)

Anúncios
2 Comentários leave one →
  1. 20 novembro, 2008 23:35

    juro que li “Yoda e o déficit zero”
    seria divertido…

  2. 21 novembro, 2008 13:36

    tu tem q ler a nova corja, kauê.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: